Anúncios !!!


Cat-1

Cat-2

Anúncios!!!


Poesia

ColunaDireita

Catago Vazio2

Coluna Filosofia

Matérias


ANÚNCIOS!!!


Entrada ao Salão da exposição

O segundo espaço ocupado pela exposição itinerante organizada pelo curador e galerista Roberto González, é a Casa da Catalunya, na cidade de Buenos Aires.

A inauguração foi realizada em 04 de novembro, com um número importante de artistas e de visitantes.

A primeira exposição foi em Necochea, e a terceira exposição será na Galeria R Van R,  em Buenos Aires, Argentina.

Participam das exposições com poemas ilustrados com arte digital de Carlos Zemek:

Decio Romano (Curitiba, PR,  Brasil)
Clevane Pessoa (Belo Horizonte, MG,  Brasil)
Elciana Goedert (Curitiba, PR, Brasil)
Humberto Napoleón Varela Robalino (Quito, Equador)
Maria Antonieta Gonzaga Teixeira (Castro, PR, Brasil)

ARTE DIGITAL: Carlos Zemek (Curirtiba, PR, Brasil)






Fachada de Casal da Catalunya




Texto enviado pela poetisa Fátima Gonçalves

O Parque Estadual Dunas de Natal Jornalista Luiz Maria Alves completa 40 anos no dia 22 de novembro. Foi a primeira Unidade de Conservação implantada no estado do Rio Grande do Norte. 

A Feira de Livros de Autores Potiguares do Parque das Dunas, que acontece dentro do calendário de eventos comemorativos do aniversário dessa Unidade de Conservação ( IV Simparque  - 22, 23 e 24/11-, I Feira de Livros de Autores do Rio Grande do Norte - 25 e 26/11-, Caravana Ecológica - 22, 23 e 24/11 -  e  Encontro Estadual sobre Gestão Municipal - 24/11 - e Circuito das Dunas 24/12 já é considerada como um evento de sucesso. As 50 mesas disponibilizadas pelo Governo do Estado/IDEMA/Parque das Dunas já estão ocupadas por autores e editoras do Rio Grande do Norte.

A mencionada feira vai acontecer no Bosque dos Namorados – Setor de Uso Público do Parque das Dunas nos dias 25 (sábado) e 26 (domingo) de novembro, das 9 às 17 horas. 




Veja a programação: 
SÁBADO (25 DE NOVEMBRO DE 2017)
MANHÃ
9h - Cortejo de abertura da feira com início no portão de entrada do Parque das Dunas, com a participação de escritores, contadores de histórias
Responsável: Eva Potiguar
Participantes: poetas, escritores, contadores de histórias e convidados 

10h às 11h:30- Sarau litero musical – Responsável: José Acaci
Poetas participantes: Jânia Souza, Lúcia Eneida, Garcia, Ninita Lucena, Gilvânia,José de Castro, Eva Potiguar, Maria Conceição Maciel.  Dione Sueli, Diulinda Garcia, Rejane de Souza e Clécia Santos.

9h – 17h -  Exposição de bicicletas antigas (Responsável: Marígia Madje) – Local: Tenda 01

9 h - 12 h- Sessão de autógrafos/Feira de livros. Loca: Folha das Artes

10h – Lançamento coletivo de livros:
Anchella Monte – Livro “Entre Tempos” - Editora Sarau das Letras
Marcio Coelho - revista TAL - #1-2017 - Edição independente.
Francisco Josivan do Nascimento – “Invasão Biológica Vegetal: Uma Ameaça a Fitodiversidade Autócne”.

10h:30 -   Discussão Aberta (Mediador: Aluísio Azevedo) – Local: Tenda das Letras (atrás da Folha das Artes)
Temática: “A Formação da Cadeia Produtiva do Livro” 

TARDE
14h as 15h:30– Contação de histórias e performances artísticas na tenda –(Responsável: Eva Potiguar e poetas da SPVA  ) – Local: Folha das Artes

14h as 17h - Sessão de autógrafos/Feira de livros
15h – 17h – Lançamento coletivo de livros
-  Rizolete Fernandes – Livro: “Tecelãs” – Editora Sarau das Letras
-  Eva Potiguar – Livro: “Do casulo à borboleta”. Editora CJA Edições. 
-  José de Castro – Livro: “Vaca Amarela Pulou a Janela” - Ed. Dimensão/ Belo Horizonte
- José Jorge de Mendonça - Livro: A Guerra dos Bárbaros nos Sertões do Seridó – 8 Editora
- Jânia Souza   - Livros: "Voo nas entrelinhas da liberdade". Editora Nave da Palavra da UBE RN e “Em horas vagas”, Editora Caravela Selo Cultural 






DOMINGO, 26 DE NOVEMBRO DE 2017
MANHÃ
9h as 10h:30- Contação de histórias, Local: Folha das Artes (contadores de histórias da SPVA) , Eva Potiguar, Janaina Leite e Eliete Marry.
9h – 17h -  Exposição de bicicletas antigas – Local: Tenda 01
10h – Lançamento coletivo de livros:
- Irani Medeiros – Livro – Fabião das Queimadas, de Vaqueiro a Cantador (Fabião foi o primeiro poeta popular do RN)
10h:30 – Bosque Encena - o espetáculo Dubididum Taratatá – Anfiteatro Pau-Brasil 
10:30 -  Mesa de discussão (Mediador: Aluísio Azevedo)
Tema Central: “Produção literária Potiguar"
Participações especiais: 
Literatura de memórias e autobiografia, uma abordagem literária, com Ivaíta Souza;
Literatura e música: uma perspectiva interdisciplinar, com Paulo Caldas Neto;
A importância da Literatura Infantil para a formação de leitores, com Flauzineide Moura, José de Castro, Jânia Souza e Eva Potiguar.

TARDE
14h as 17h - Sessão de autógrafos/Feira de livros
15h as 17h - Lançamento coletivo de livros:
-  José Acaci Cordel – Livro “Histórias e poesias”
- Marcio Coelho - Revista TAL- - ed. Independente. 
-  Ivaíta Souza.  Livro “RELEMBRANÇAS”, Editora Independente
- Miguel Rocha - Livro: “Fauna em um Fragmento de Mata Atlântica no Rio Grande do Norte” - Área de Proteção Ambiental Jenipabu -Autores:  Miguel Rocha Neto, Carla Baeta de Sales e Luiz Yoshihiro Garcia de Lima Hagi

15:30 -  Ciranda de histórias e cantigas na tenda – ALAMP -Responsável: Flauzineide Moura, participantes: Dorinha Timoteo e Barroca, Fadinha LiliFadinha Xanana, Sirlia Lima 

16:30 – Som da Mata – Banda Café – Anfiteatro Pau-Brasil 

14h as 17h Sessão de autógrafos – Feira de Livros

17h cortejo de encerramento (Responsável: Eva Potiguar e escritores potiguares presentes).
O IDEMA disponibilizou 50 mesas para autores e editoras potiguares que já estão todas reservadas.

Devido a grande procura pelas mesas, a organização da Feira de Livros de Autores Potiguares do Parque das Dunas está disponibilizando espaço externo, ao lado da Folha das Artes para autores e editoras do Rio Grande do Norte que queiram participar da feira. Os interessados deverão fazer suas inscrições no período de 20 a 23 de novembro, pagar a taxa simbólica de R$ 14,20 (cartoze reais e vinte centavos) e levar suas próprias mesas, nas dimensões de 70 x 70 cm. É importante destacar que não será permitida a entrada de pessoas com mesas, no dia da realização do evento, para participar da feira sem a devida inscrição.




A exposição itinerante foi organizada pelo artista e galerista Roberto González. As obras expostas já foram expostas em dois locais. Os poemas ilustrados com Arte Digital do artista Carlos Zemek já fizeram parte da exposição em Necochea (cidade turística do Sul de Buenos Aires) e em O Casal da Catalunya, em San Telmo, Buenos Aires. A exposição de Necochea foi internacional. Participaram artistas da Argentina, Colombia, Equador, Brasil e outros.

Carlos Zemek ilustrou os poemas de Decio Romano, Clevane Pessoa, Elciana Goedert, Humberto Napoleón Varela Robalino e Maria Antonieta Gonzaga Teixeira.

Na cidade de Necochea, o evento contou com o apoio de Edith Lacoste, proprietária da galeria Arte&Diseño Necochea.

Edith Lacoste


TRABALHOS APRESENTADOS







A Biblioteca Pública do Paraná promove, no dia 22 de novembro, um bate-papo sobre o livro Minha vida com o poeta, da escritora Gessy Gesse, que também autografa a obra. A mediação fica a cargo do jornalista e escritor Marcio Renato dos Santos. O evento acontece na Arena BPP, no Hall Térreo, a partir das 15h, e faz parte da programação do Mês da Consciência Negra, promovido pela Secretaria de Estado da Cultura (SEEC).

A baiana Gessy Gesse nasceu em 1939 e ficou conhecida nacionalmente nos anos 1970 ao se casar com o poeta Vinicius de Moraes (1913-1980), tornando-se a sétima mulher do Poetinha. É sobre essa relação que a escritora fala em seu livro. São histórias sobre a convivência do casal, permeadas por comentários sobre a realidade social da Bahia à época.

A escritora, que viveu com o poeta e compostior durante 7 anos, revela como essa relação influenciou a vida e a carreira do autor, em parceria com Tom Jobim, de “Garota de Ipanema” — uma das canções mais tocadas no mundo. Ao conhecer Gessy, Vinicius mergulha no universo do candomblé e da capoeira para criar os afrossambas ao lado do violinista Baden Powell, o que representa uma nova fase em sua trajetória artística.

Além de atuar como produtora cultural, Gessy trabalhou como atriz nos anos 1960, em filmes como Sol sobre a lama (1963), de Alex Viany (1918-1992) e Senhor dos navegantes (1963), de Aloiso T. de Carvalho. Entre as canções que Vinicius dedicou à sétima esposa, estão “Morena flor” e “Samba de Gesse”.
Serviço: 
Bate-papo e sessão de autógrafos do livro Minha vida com o poeta, de Gessy Gesse
Mediação do jornalista e escritor Marcio Renato dos Santos
Dia 22, às 15h
Arena BPP, no Hall Térreo da Biblioteca Pública do Paraná (Rua Cândido Lopes, 133)
Gratuito
Informações: (41) 3221-4974


O escritor e tradutor Rubens Figueiredo ministra uma oficina de tradução na Biblioteca Pública do Paraná nos dias 21, 22 e 23 de novembro. As inscrições, gratuitas, podem ser feitas até 12 de novembro por meio de um formulário disponível no site da BPP. Serão selecionadas 30 pessoas, maiores de 18 anos, por ordem de inscrição. Juntamente com as informações pessoais, o candidato deve enviar a tradução de um texto sugerido por Figueiredo. Mais informações (41) 3221-4974.

Chamada de “Breve Oficina de Tradução Literária do Inglês para o Português”, o curso, segundo Figueiredo, será eminentemente prático. Os participantes vão produzir a tradução dos textos originais propostos previamente e trazer o resultado de seu trabalho para a aula. As traduções dos alunos serão examinadas e discutidas coletivamente, sob a orientação do professor. No decorrer das atividades, porém, alguns conceitos teóricos serão discutidos, sempre à luz de questões concretas.

Rubéns Figueiredo
“Para os fins da oficina, não importa que o nível de experiência dos alunos em relação à atividade da tradução seja diversificado. Ao contrário, se espera que isso seja produtivo. Pois, ao enfrentar problemas de tradução, o objetivo é buscar o desenvolvimento da consciência crítica relativa às escolhas envolvidas no trabalho do tradutor”, diz Figueiredo. Os textos originais serão em língua inglesa, em prosa, ficcionais ou ensaísticos, com destaque para o tratamento literário da linguagem.

Formado em Letras na Universidade Federal do Rio de Janeiro, Figueiredo é tradutor há 27 anos. Já verteu para o português obras de autores como Fiodor Dostoiévski, Leon Tolstói, Martin Amis e Philip Roth. Por sua atuação na tradução, ganhou prêmios da Biblioteca Nacional, Academia Brasileira de Letras e Associação Paulista de Críticos de Arte. Sua produção de ficção inclui, entre outros livros, a reunião de contos As palavras secretas (prêmios Jabuti e Arthur Azevedo) e os romances Barco a seco (Prêmio Jabuti) e Passageiro do fim do dia (Prêmio Portugal Telecom).

Serviço
Oficina de Tradução, com Rubens Figueiredo
Dias 21, 22 e 23 de novembro, das 14h às 17h, na Biblioteca Pública do Paraná (R. Cândido Lopes, 133 — Curitiba/PR)
As inscrições, gratuitas, devem ser feitas até 12 de novembro por meio do formulário disponível no site da BPP
Serão selecionadas 30 pessoas, maiores de 18 anos, por ordem de inscrição
Mais informações: (41) 3221-4974
Fonte: Imprensa BPP
Biblioteca Pública do Paraná


O temático e elegante La Rauxa Cafè i Bistrot no Ahú em Curitiba-PR, inaugura a exposição individual “Tramas e Rendas” da artista visual Carla Schwab.
Com curadoria de Eloir Jr., a mostra apresenta a atemporal produção da artista, na técnica mista sobre tela PET e estará em cartaz até Janeiro de 2018.

Sobre a exposição: 
Do manuseio milenar nos antigos teares, a renda encontra suas tramas, forma desenhos e símbolos e flui atravessando oceanos e aproximando pessoas. Torna-se apátrida, pois podem ser francesas, portuguesas, italianas, eslavas, asiáticas entre outras, e chega a América Latina na forma das tradicionais rendas circulares em nhanduti.

De forma contemporânea e com teor sustentável, a artista Carla Schwab se inspira em suas lembranças, vivências e nas rendas executadas por sua mãe e avó, e cria sua atemporal série “Tramas e Rendas”, ocupando bidimensionais sob um pantone multicolorido. A construção de suas obras figuram entre os filtros de café usados, revistas usadas, tecidos e tintas acrílicas sobre tela da reciclagem de garrafas PET, que interagem sobrepostos e harmoniosamente com o fundo, ora em primeiro plano, ora em meros vestígios visuais de suas rendas unidas por arabescos. Desta forma, pode-se citar que a artista utiliza o pincel como se fosse uma agulha de crochê.

O descarte urbano torna-se matéria prima, origina obras de arte, exterioriza a preocupação da artista com o bem estar do meio ambiente e conscientiza à ação social de cidadania.

Sobre a Artista:
Carla Schwab nasceu em Pelotas-RS e vive em Curitiba-PR. É Artista Visual graduada pela UFPel-RS e Professora de Artes em estudos de materiais e técnicas de pintura. Sua série “Tramas e Rendas” é uma produção atemporal, premiada, com participações em edições da Casa Cor pelo Brasil, Carrousel Du Louvre em Paris, entre outras. Inclui-se em sua produção a impressão sobre canvas, painéis em vidro e aquarelas sustentáveis. 


Serviço:
Exposição “Tramas e Rendas” de Carla Schwab
Local: La Rauxa Cafè i Bistrot
Visitação: 09/11/2017 a 09/01/2018
Das 11h às 19h
Endereço: Rua Eurípedes Garcez do Nascimento, 906 – Ahú
Curitiba-PR
Telefone: 41 3049-6972
Nossa amiga, a querida poetisa Arriete Rangel de Abreu, membro da ACCUR (Academia de Cultura de Curitiba), do Centro de Letras do Paraná, do Centro Paranaense Feminino de Cultura e outras institutições literárias e culturais, lançou na Assembleia Legislativa do Paraná, em 07 de novembro, o "Portal Cultural SemeArte".

No evento, ela foi homenageada com belo discurso pelo Deputado Estadual Ney Leprevost

Arriete Rangel de Abreu e o Deputado Estadual Ney Leprevost
Arriete Rangel de Abreu lança Portal SemeArte na Assembleia Legislativa do Paraná

Alexandra Barcellos é contista e poetisa., Autora dos livros para o público infanto-juventil "O Bosque Amazonas", "O Ciclo da água","Guaçatunga"e outros. Publica também livros de poesias. "Velho Talismã" foi seu primeiro livro desse género.

Em 09 de novembro, a partir das 17 horas, lançará nas Livrarias Curitiba do ParkShopping Barigui sua nova obra poética "Árvore Mãe".


Marian Pellizzer enviou um convite para todos os escritores e poetas:


O CENTRO DE LETRAS DO PARANÁ convida os associados, seus familiares e demais interessados para viagem a JOINVILLE e participação no V ENCONTRO CATARINENSE DE ESCRITORES, a ser realizado pela Associação das Letras daquela cidade, no dia 25 de novembro.
A saída de Curitiba será pela manhã e retorno no início da noite, após Coquetel de Encerramento do evento. Transporte por ônibus: R$ 50,00 por pessoa, para associado do CLP ou aluno do Curso de Criação Literária, e R$ 70,00 para convidado de associado.
Informações e reserva de lugares: (41) 3222-7731.

Nota enviada por Marian Pellizzer


ANÚNCIOS!!!


Eventos Culturais

Conuna1Inferior

Catalogo Vazio3

Anúncios!!!

Livros Digitais