Anúncios !!!


Cat-1

Cat-2

Anúncios!!!


Poesia

ColunaDireita

Catago Vazio2

Coluna Filosofia

Matérias


ANÚNCIOS!!!


Aconteceu  em 18 de setembro de 2017, o Recital Poético idealizado pela professora, escritora e poeta Isabel Furini para ser apresentado dentro da programação da 36a. Semana Literária SESC & XV Feira do Livro Editora UFPR, aberta oficialmente nesta 2a.-feira e será encerrada em 22.09.2017.
Realizada pela Fecomércio PR (Sesc, Senac e IFPD); SESC; SENAC, UFPR; Editora UFPR e PROEC, o evento tem como tema "Literatura e(m) movimento", e de acordo com os seus organizadores: "com o intuito de promover encontros, palestras e oficinas que coloquem no centro da reflexão a literatura e todo o seu potencial de trânsito."

Amaury Nogueira, Eliane Gabardo, Siomara Reis Teixeira, Isabel Furini
e Arriete Rangel de Abreu - Fotografia de Decio Romano
Isabel Furini convidou Arriete Rangel de Abreu e Amauri Nogueira para declamar alguns dos seus poemas e dos seguintes autores de Curitiba: Luiz Carlos Brizola, Bárbara Lia, Elciana Goedert, Neyd Montingelli, Maria da Glória Colucci, Decio Romano, Carlyle Popp, Eliane Gabardo, Sonia Cardoso, Lia Marcia Finn, Siomara Reis Teixeira, Noeli Tarachuka, Rosa Leme, Iracema Alvarenga, Jefferson Dieckmann, Ione Perez.

Amaury Nogueira, Isabel Furini, Maria da Glória Colucci e Arriete Rangel de Abreu
Fotografia de Decio Romano
Foram lidos poemas de poetas de outras cidades: Maria Antonieta Gonzaga Teixeira (de Castro/PR), Fátima Gonçalvez de RN, José Feldman (de Maringá/PR), Clevane Pessoa (de Minas Gerais), Sonia Mazza (de Argentina), Mhario Lincoln (de Maranhão), sendo que Isabel declamou em espanhol e Arriete e Amauri em português, em formatação de jogo poético com a intenção de fortalecer a fraternidade entre as línguas portuguesa e espanhola.
Isabel Furini e Decio Romano - Fotografia SemeArte

Isabel Furini é poeta, escritora e professora. Nasceu em Buenos Aires (Argentina) em 1949 e está radicada no Brasil.   Escreve poemas desde criança e já lançou 35 livros voltados para adultos e ao público infantil. Sua paixão sempre foi a poesia. Entre as suas obras, destaca "Os Corvos de Van Gogh", "Os Relógios de Dalí" e "Vírgulas e Outros Silêncios". De 1999 a 2015, ministrou a oficina de Criação Literária do Solar do Rosário. Muitos dos seus alunos publicaram livros e alguns tiveram seus trabalhos premiados em concursos literários.  Atualmente ministra aulas particulares para interessados em escrever livros, e realiza leitura crítica de originais.

Amaury Nogueira, Neyd Montingelli, Isabel Furini, Noeli Tarachuka
e Arriete Rangel de Abreu - Fotografia de Decio Romano
É a mentora do projeto Poetizar o Mundo. E 1992, recebeu Votos de Louvor da Câmara Municipal de Curitiba. Foi nomeada Embaixadora da palavra pela Fundação Cesar Egido Serrano (Espanha).
É Comendadora da Ordem de Figueiró pela Academia Virtual de Letras, Artes e Cultura do Brasil, Embaixadora Internacional e Imortal da Poesia pela Academia Virtual de Letras, Artes e Cultura do Brasil e Consulesa pela Academia Poética Brasileira. Foi palestrante no 1o. Salão Nacional de Poesia de Campo Largo (PR) e na Bienal do Livro e Leituras de Campo Mourão (PR), além de ter sido convidada para a 9a. Feira Internacional do Livro de Foz do Iguaçu (PR). Alguns dos seus poemas foram premiados em concursos literários do Brasil, Espanha e Portugal.

Arriete Rangel de Abreu, Pedro E. Marotta (Cônsul de Argentina)
Josh Berveglieri (Barão de Guaraúna), e Isabel Furini - Fotografia de SemeArte

Presentes no Recital Poético, o cônsul da República Argentina no Paraná, senhor Pedro Ezequiel Marotta, o representante-mor do Circulo Monárquico Brasileiro no Estado do Paraná, Josh Berveglieri, poetas, escritores, convidados e visitantes da 36a. Semana Literária & V Feira do Livro Editora UFPR.
Wasyl Stuparyk e Isabel Furini
Fotografia SemeArte
Agradecimento especial ao cinegrafista Wasyl Stuparyk quem gravou e organizou um vídeo do evento.

Ensejamos seja a literatura imorredoura possibilidade de SemeARTE.
Agradecemos imensamente ao amigo e poeta Jefferson Dieckmann pelo apoio e auxílio nos registros fotográficos deste evento, e ao fotógrafo Decio Romano.

Texto de Arriete Rangel de Abreu (SemeARTE).


Recital de Poesia da 36a. Semana Literária SESC & XV Feira do Livro Editora UFPR
Fotografia de Decio Romano

Recital de Poesia da Semana Literária
Fotografia de Decio Romano



Foto e Arte de Isabel Furini
A Campanha "Doe uma flor" nasceu de forma singela e despretensiosa com o objetivo de resgatar o verdadeiro sentido da Primavera. Em 2015, lançou-se uma semente e a cada ano floresce mais. Dia 23 de setembro,  na Reserva Airumã, das 9h às 11h, acontece a abertura da Campanha #doeumaflor na APAVE (Associação dos Protetores de Áreas Verdes de Curitiba e RM) no deck da Eco Guaricana, marca de Eco Turismo e Educação Ambiental do jornalista Marcos Rosa Filho.

Vamos celebrar a Primavera! Participar é simples: use roupas coloridas e floridas, fotografe flores, faça um poema, um elogio, doe uma flor real, virtual, artificial, use a logo da Campanha ou sua imaginação, o mais importante é o gesto, pois o objetivo é celebrar a estação mais alegre, colorida e florida do ano. "Sejamos flores!" como declara a idealizadora da campanha, Katia Velo

Serviço:
LANÇAMENTO DA CAMPANHA #DOEUMAFLOR
Data e horário: 23 de setembro, das 9h às 11h.
Local: Reserva Airumã, sede da APAVE - Associação dos Protetores de Áreas Verdes de Curitiba e RM, Deck Eco Guarican, Av. Fredolin Wolf, 3539 - Santa Felicidade, Curitiba - PR, 81020-430
Cinco autores participam do projeto Caravana Literária ao longo desta semana, entre os dias 11 e 15 de setembro, a Caravana Literária segue com a visita de cinco escritores a 9 cidades do interior paranaense. No total, até 23 de setembro, 15 autores percorrem 30 municípios do interior do Paraná e da Região Metropolitana de Curitiba para falar sobre suas obras e temas ligados ao universo literário. Todos os eventos são gratuitos.

O escritor, tradutor e roteirista Santiago Nazarian abre a programação da semana nesta segunda-feira (11) com palestra em Apucarana. Na terça-feira (12), ele conversa com o público sobre sua produção literária em Cambé.

Também nesta terça, o premiado escritor Milton Hatoum, autor do romance Dois irmãos, estará em Ponta Grossa e, na quarta-feira (13), em Carambeí.

Adélia Maria Woellner
A poeta Adélia Woellner e o escritor paulistano Flavio de Souza também fazem palestra nesta quarta-feira nos municípios de Almirante Tamandaré e Guarapuava, respectivamente.

Já na quinta-feira (14), Souza estará em Pinhão, no centro-sul do Estado. Reinaldo Moraes, autor dos romances Tanto faz, Abacaxi e Pornopopeia, visita Toledo, também na quinta.

O último evento da semana acontece na sexta-feira (15), coma presença de Moraes em Cascavel.

A Caravana Literária é uma inciativa da Biblioteca Pública do Paraná e faz parte da programação do Mês da Literatura, projeto da Secretaria de Estado da Cultura que, entre 24 de agosto e 29 de setembro, promove atividades de incentivo à leitura.Cada um dos 15 autores escolhidos visita duas bibliotecas. As instituições selecionadas para receber os escritores abrangem as mais variadas regiões do Estado — dos Campos Gerais ao Sudoeste paraense — e são referências entre as quase 500 bibliotecas cadastradas no Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas do Paraná, coordenado e administrado pela Biblioteca Pública do Paraná.

Dessa forma, foram contemplados os municípios: Almirante Tamadaré, Apucarana, Barracão, Cambé, Carambeí, Campo Mourão, Cascavel, Cianorte, Guarapuava, Ivaiporã, Mamborê, Mandaguari, Morretes, Paranaguá, Paula Freitas, Pato Branco, Perobal, Pinhão, Pinhais, Piên, Ponta Grossa, Planaltina do Paraná, Rio Negro, , São José dos Pinhais, Terra Boa, Terra Rica, Umuarama, União da Vitória, Toledo e Vitorino.

As atividades do Mês da Literatura seguem até 29 de setembro e, além da Caravana Literária, incluem contação de histórias, oficinas e a exposição itinerante “Palavras do Paraná”. A programação teve início no dia 24 de agosto, em Maringá, com o show “Leminskanções” — a data de abertura faz referência ao dia de nascimento do poeta Paulo Leminski (1944–1989).

Fonte Biblioteca Pública de Paraná

Vídeo do Recital Poético na 36º Semana Literária SESC & XV Feira do Livro Editora UFPR.

Leitura de poemas realizada por Isabel Furini em idioma espanhol, e pelos poetas Arrieta Rangel de Abreu e Amaury Nogueira em idioma português.



Filmagem realizada pelo documentarista e cinegrafista Wasyl Stuparyk.


Isabel Furini, o Cônsul o Cônsul da Argentina em Curitiba, Sr. Pedro Ezequiel Marotta
e o poeta Jefferson Dieckmann



A UBT (União Brasileira de Trovadores - Curitiba) convida a todos os amantes da poesia a participar do Sarau Trovas, Poesias e Canções. O evento faz parte da Programação do XIX Jogos Florais de Curitiba e é realizado em parceria com a Academia Paranaense da Poesia, Centro de Letras do Paraná e Café, Poesia e Canção ( organização de Siomara Reis Teixeira).
Quadro de Neiva Passuello
Quando: 16/09/ 17
Hora: 17: 30 hs
Local: Auditório Brasilio Itiberê.
End: Rua Cruz Machado, 138. Centro ( anexo à Secretaria Estadual de Cultura).
Como apaixonado que sou por sua figura, não poderia ser blasé com o fato de que há exatos 40 anos, em um luxuoso apartamento no número 36 da Avenida Georges Mandel, em Paris, calou-se em definitivo a voz com maior significado do mundo da ópera, a voz daquela que é considerada a maior cantora de todos os tempos, Maria Callas. Naquele 16 de setembro de 1977, ao cerrar seus olhos em seu banheiro de mármore, Callas dava fim à intensa vida e singular carreira que conquistou em seus menos de 54 anos de existência.
Maria Callas
Denominada a diva de todas as divas, completa em sua arte, encantou e colecionou admiradores ao redor do planeta e transformou a ópera com seu poder de interpretação e tipo vocal extremamente raro, soprano absoluta. Sem nem mesmo necessitar se guiar pelo olhar do maestro, Callas interpretava suas personagens com uma intensidade inigualável e levava a sério os sentimentos que acreditava existir naqueles nomes operísticos. Sua voz acompanhava perfeitamente a orquestra e, com infindável graça, cantava até as notas mais altas das diferentes oitavas que podia alcançar o que causava, costumeiramente, as lagrimas de emoção do publico acompanhadas por dezenas de minutos de aplausos, flores e mai flores e muitos gritos de “brava!”.

Tinha a atenção e interesse obcecado da mídia que a cercava dentro e fora dos teatros, em ocasiões públicas e privadas. Conquistou as casas de ópera mais prestigiosas do mundo, incluindo o Alla Scala de Milão onde teve o lugar de estrela maior, que pertencia a Renata Tebaldi, a mesma com que teve uma enorme inimizade. Conquistou também o coração e desejo de muitos homens dos quais destacaram-se: o Comendador Meneginni,  que foi seu esposo e solidificou sua carreia estando ao seu lado por muitos anos e o armador com fama de conquistador safado, Aristóteles Onassis, que foi o responsável por sua desgraça como artista e mulher.

Com seu temperamento forte e explosivo, com seu poder de atração e encantamento através de sua imagem e voz, com todo o mito e fama que a cerca, Maria Callas foi uma mulher da história mundial que não é possível ser descrita em um simples e breve texto como este. Talvez seja possível encontrar sua essência nas centenas de livros, revistas, documentários, peças de teatro e filmes já produzidos sobre ela, mas, penso eu, seria muito mais digno retratá-la em uma grandiosa ópera com vários atos. Esta sim, uma arte à sua altura.

Mas existiria alguém com ousadia e nível necessário para interpretar a divina Callas justamente em uma ópera?



Josh Berveglieri é artista. Representante-mor do Círculo Monárquico Brasileiro no Estado do Paraná,Barão de Guaraúna.
Em 16 de setembro, a partir das 15 horas, em A Página Livrarias, Av. Marechal Floriano Peixoto, 4984, Curitiba, será o lançamento do livro "A noite chegou... e o sono não vem", de Ana Rapha Nunes, com ilustrações de Paula Kranz.

Sinopse: A noite chegou. É hora de dormir, mas o sono não vem. O que será que a mamãe de Dudu fez para ele pegar no sono?

O livro aborda assuntos como: insônia, afeto, o ato de contar histórias para fazer uma criança dormir.
Indicação:para crianças de 6 a 7 anos.




A professora e escritora Maria da Glória Colucci é a organizadora da XIII Jornada de Biodireito e Bioética. Ela falará sobre "Agenda Global: Transformando Nosso Mundo" em 16 de setembro, no Miniauditório do Campus Milton Vianna Filho, da UNICURITIBA.


A Biblioteca Pública do Paraná promove a partir de setembro o curso de fotografia “Capturando histórias”, destinado a crianças de 9 a 12 anos, sempre aos sábados, das 9h às 13h. O primeiro encontro acontece no dia 23. As inscrições já estão abertas, são gratuitas e devem ser feitas pelo e-mail biancals@bpp.pr.gov.br. É necessário que o participante possua celular ou câmera fotográfica. Mais informações: (41) 3221-4980.

“Capturando histórias” tem por objetivo apresentar técnicas que aprimorem o olhar e auxiliem os pequenos a captar imagens. O curso será ministrado por Aline Maria de Lima, Camila Miranda Suckow e Viviane Elisete de Moraes, graduandas em Artes Visuais. As aulas acontecem na sala de reuniões da BPP, no 3.º andar, durante dez sábados, exceto no dia 14 de outubro, por ocasião das comemorações do Dia das Crianças. O último encontro será no dia 9 de dezembro.

Fachada da BPP - Fotografia de Isabel Furini
Serviço:
Oficina “Capturando histórias”
Aos sábados, das 9h às 13h
Início: 23 de setembro
Até 9 de dezembro
Para crianças de 9 a 12 anos
Na sala de reuniões da BPP (R. Cândido Lopes, 133, Centro — Curitiba/PR)
Gratuito
Inscrições:  biancals@bpp.pr.gov.br
Mais informações: (41) 3221-4980

Fonte: BPP


ANÚNCIOS!!!


Eventos Culturais

Conuna1Inferior

Catalogo Vazio3

Anúncios!!!

Livros Digitais